skip to Main Content

Serviço de inclusão e exclusão do SCPC passará a ser exclusivamente online

A ferramenta continuará disponível no site da Associação Comercial de Mogi 

A partir do dia 1 de janeiro de 2023 o atendimento para inclusão e exclusão de inadimplentes no Serviço Central de Proteção ao Crédito (SCPC) oferecido pela Associação Comercial de Mogi das Cruzes (ACMC) em parceria com a Boa Vista, será disponibilizado exclusivamente na modalidade online. A ferramenta apoia os lojistas no controle da inadimplência e na hora de conceder crédito para os clientes. Atualmente, o total da dívida inscrita no SCPC é de R$ 12.287.656,54.
O atendimento presencial de inclusão e exclusão do serviço de proteção ao crédito para lojistas deixará de ser prestado em razão das funcionalidades do sistema e da Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) – em vigor desde 2020 -. Por isso, a partir de janeiro a ferramenta continuará disponível para os associados no formato online com acesso por meio de login e senha no site da Associação Comercial de Mogi (www.acmc.com.br).
Mesmo superando os R$ 12 milhões, o volume de débitos inscritos no SCPC em novembro é 18% menor que o registrado no mesmo período de 2021, quando o número era de R$ 15.033.568,63. Ao todo, o cadastro conta atualmente com 12.544 pessoas que juntas possuem 15.097 dívidas. Em novembro do ano passado, o SCPC registrou 15.589 inadimplentes que somavam 18.741 débitos. Uma redução de 19% em ambos os casos.
A exclusão do nome da lista do SCPC ocorre em duas situações: quando o pagamento do débito é efetuado ou após cinco anos da inclusão da dívida.
Ainda de acordo com dados do serviço, a exclusão de inadimplentes teve uma alta de 29% comparando o número do décimo primeiro mês do ano com o mesmo período de 2021. No mês passado, 298 pessoas deixaram a lista, enquanto em novembro do último ano esse número foi de 231 devedores. Já o índice de inclusões apresentou alta de 2,64%, saindo de 416 para 427 inadimplentes.
Além do atendimento de inclusão e exclusão, o SCPC oferece outros serviços, incluindo a emissão de certidões positivas/negativas de débitos para fins de processos judiciais e habilitação em concursos públicos, que continuarão a ser oferecidos de forma presencial na sede da entidade.

O mesmo vale para as pessoas físicas que prosseguirão obtendo informações sobre restrições, estabelecimentos pelos quais as dívidas foram registradas e valores por meio do Balcão de Atendimento. A ACMC fica na rua Barão de Jaceguai, 674 e funciona das 8h às 18h. Para mais informações entre em contato pelo telefone 4728-4309, WhatsApp 9 4325-9114 ou pelo e-mail scpc@acmc.com.br.