skip to Main Content

ACMC promove palestra sobre a Lei Geral de Proteção de Dados

Legislação entra em vigor no segundo semestre e exige adaptações de empresas. Inscrições são gratuitas

Com vigência prevista para o segundo semestre e regras de coleta e tratamento de dados pessoais de clientes e usuários por parte de empresas públicas e privadas, a Lei Geral de Proteção de Dados (LGPD) ainda gera muitas dúvidas e desafios para diferentes segmentos. De olho nisso, a ACMC – Associação Comercial de Mogi das Cruzes vai promover, no próximo dia 12, uma palestra sobre o tema, voltada principalmente para os comércios que trabalham com vendas a prazo, mas com participação liberada para empresários em geral.

Gratuita, a palestra começará 9 horas e os interessados devem fazer a sua inscrição pelo telefone 4728-4309. A abordagem sobre a LGPD será feita pelo especialista em Segurança da Informação e Privacidade de Dados, Paulo Watanabe, que é o oficial de proteção de dados da Boa Vista, parceira da ACMC no Serviço Central de Proteção ao Crédito (SCPC).

Pela legislação, qualquer empresa que incluir em sua base informações de seus clientes, ainda que apenas nome e e-mail – deve seguir os procedimentos previstos na LGPD, como a designação de funcionário para a função específica de controlador.

Na esteira de legislações internacionais que decorreram de escândalos sobre o vazamento de dados por grandes empresas de redes sociais, o principal objetivo da LGPD é evitar o uso indiscriminado e a divulgação indevida de dados pessoais. Quem não cumprir está sujeito a uma multa que pode chegar a até R$ 50 milhões.

As regras são amplas e exigem adaptações para todas as empresas, desde as pequenas até as grandes. Saber o que muda e as adaptações necessárias é essencial, por isso, a preocupação da ACMC em trazer essa discussão para os empresários”, ressalta o vice-presidente da ACMC e diretor do SCPC, Silvio José de Moraes.

A palestra sobre a LGPD será no auditório da ACMC, na Rua Barão de Jaceguai, 674, no Centro.