skip to Main Content

Dia dos Namorados gera expectativa positiva para o comércio mogiano

Associação Comercial de Mogi espera alta entre 8% e 10% para a data

Junho traz o período mais romântico do ano, o Dia dos Namorados, momento que deve aquecer além dos corações, o comércio mogiano. A Associação Comercial de Mogi das Cruzes (ACMC) espera que a data gere um aumento entre 8% e 10% nas vendas em relação ao 12 de junho do ano passado.
As lojas de vestuário, calçados, acessórios e perfumaria devem receber muitos clientes, além das floriculturas, bares e restaurantes que tradicionalmente estão na lista de preferências dos casais. “O Dia dos Namorados tem se consolidado como um importante período para o comércio. Baseado nos resultados do Dia das Mães, estamos otimistas para a data. Neste ano, contamos, ainda, com uma significativa injeção de recursos, proveniente da antecipação do pagamento do décimo terceiro salário de aposentados e pensionistas do INSS, situação que deve reforçar as vendas”, analisou a presidente da ACMC, Fádua Sleiman.
Desde 1948, o Dia dos Namorados no Brasil é celebrado em junho, diferente de outros países que comemoram a data em fevereiro, no Dia de São Valentim. “Essa é a oportunidade para os comerciantes aumentarem suas vendas, especialmente das peças de inverno. É importante que os empresários reforcem seus estoques e criem ações para chamar a atenção dos clientes, a parceria com bares e restaurantes para oferecer um voucher, por exemplo, é uma forma de se diferenciar”, observou Fádua.
A campanha Mundo de Prêmios da Associação Comercial é uma das iniciativas da entidade para movimentar as lojas mogianas. Na etapa do Dia dos Namorados serão sorteados, no dia 14 de junho, um aparelho de fondue elétrico e uma adega de vinhos para oito garrafas. Para concorrer aos prêmios é necessário adquirir R$ 50,00 em compras nos estabelecimentos participantes e preencher o cupom. A lista com as lojas parceiras pode ser consultada no site da ACMC (www.acmc.com.br).

Arraiás
A retomada das Festas Juninas – uma tradição do mês – com mais fôlego, promete um acréscimo nas vendas, especialmente de supermercados, lojas de descartáveis, de fantasias e de doces. Os arraiás promovidos por escolas, condomínios, clubes e pelas famílias mogianas devem gerar resultados positivos para a cidade.
“Em 2022, já tivemos um movimento interessante no comércio, mas com a superação do período pós-pandêmico, esperamos que a procura pelos itens de decoração, roupas e alimentos típicos se intensifique”, destacou a presidente da Associação Comercial.