skip to Main Content

Avenida dos Bancos será recapeada a partir da próxima semana

A Associação Comercial de Mogi acompanha o andamento do projeto com a Prefeitura para minimizar os impactos para o comércio.

A partir do dia 3 de janeiro (quarta-feira) a região central passará por obras de recapeamento. As intervenções serão feitas na avenida Voluntário Fernando Pinheiro Franco, a avenida dos bancos, uma das principais vias de acesso ao Centro e endereço de diversos comércios. A Associação Comercial de Mogi das Cruzes (ACMC) orienta que os comerciantes fiquem atentos aos trechos impactados.
De acordo com dados da Prefeitura de Mogi, o programa Nova Mogi vai atender a avenida Voluntário Fernando Pinheiro Franco em três etapas. A primeira fase já anunciada abrangerá o trecho entre a rua Doutor Deodato Wertheimer e a rua Sebastião Furlan (Praça Otaviano Augusto Marinho Malta Moreira). De acordo com informações da administração municipal, as intervenções são necessárias, pois estudos de engenharia indicaram que o solo precisa de correção para evitar a formação de lombadas por afundamentos do asfalto, comprometendo a segurança e a fluidez do tráfego, em especial para os veículos mais pesados, como os ônibus que circulam diariamente pelo endereço.
A presidente da ACMC, Fádua Sleiman, reforça a orientação para que os comerciantes acompanhem o desenvolvimento do projeto. “Assim como todas as obras, o recapeamento pode gerar transtornos em um primeiro momento, mas é necessário para garantir mais segurança e conforto aos lojistas da área. A região central é o coração do comércio mogiano e ações de revitalização são importantes para atrair mais pessoas para o Centro. A Associação Comercial acompanha o projeto com a Prefeitura e atuará para que as intervenções causem o mínimo impacto possível”, pontua.
A recuperação do asfalto prevê a correção e reestruturação do solo, obras de microdrenagem que abrangem a adequação das galerias de águas pluviais, sarjetas e bocas de lobo para reduzir o risco de enchentes, assim como a implantação de uma nova camada de asfalto. No período, a passagem de pedestres não será afetada, já em decorrência da interdição da via, os veículos, incluindo os ônibus de transporte público, serão direcionados para rotas alternativas previamente informadas e sinalizadas pela Prefeitura.